A vida como ela é...

Era tão azarado que, se quisesse achar uma agulha no palheiro, era só sentar-se nele.
Jô Soares




Seria a vida meio assim... Procurar e não achar e se achar não ficar satisfeita.
É um jeito mentiroso de viver, colocando a culpa nos outros, sendo você a vilã de si mesma.
É o caso de fazer em um longo tempo uma terapia em busca da satisfação plena, ou não se conseguirá e será como procurar uma agulha no palheiro.

Boa Noite e um bom início de Semana.

Luiza Marillac

Comentários

Postar um comentário

Deixe seu comentário, debata, critique e faça observações pertinentes.

Postagens mais visitadas deste blog

O Colapso da Educação

Eu Desejo Mais que Isso...